Está no ar...
VARIEDADES  MUSICAL
VARIEDADES MUSICAL
Com Djs
De 16h00 às 18h59
A seguir...
Musical
Musical
Com Djs
De 20h00 às 00h00
E depois tem...
A  VOZ  DO BRASIL
A VOZ DO BRASIL
Com A VOZ DO BRASIL
De 19h00 às 20h00

GERAL > *** GIRO SAÚDE ***

Postada em 15/10/2020 ás 13h35 - atualizada em 15/10/2020 ás 09h25
*** FICAR ESTRESSADO AUMENTA OS NÍVEIS DE CORTISOL E CONTRIBUI PARA O GANHO DE PESO ***
ANCHIETA INFORMA
***  FICAR ESTRESSADO AUMENTA OS NÍVEIS DE CORTISOL E CONTRIBUI PARA O GANHO DE PESO  ***

-

 


Muitos brasileiros tiveram aumento do peso corporal nos últimos meses.



Um levantamento online feito por pesquisadores revela que, durante a quarentena, quatro em cada dez pessoas engordaram no Brasil.



O isolamento social reduziu atividades da rotina da população, que passou a se movimentar menos.



Ficar mais tempo em casa ainda contribuiu para a alimentação fora de hora e o maior consumo de carboidratos.



Outros vilões do ganho de peso foram a ansiedade e o estresse, que também tiveram aumento dos casos durante a quarentena.



Quando estamos ansiosos, a tendência é sentirmos mais vontade de comer.



Já o estresse interfere nos níveis de cortisol, hormônio que pode favorecer o acúmulo de gordura abdominal.



A endocrinologista Viviane Molinos sobre a relação entre os hormônios e o excesso de peso,



Ela explica  que o cortisol  quando produzido em excesso, pode interferir na pressão arterial e nos níveis de açúcar no sangue:



A endocrinologista  afirma  ainda, que realizar exames periódicos para avaliar os níveis dos hormônios também é importante.



Principalmente em caso de inchaço, acúmulo da gordura abdominal ou perda de força muscular, que são alguns dos sintomas de desequilíbrio hormonal.



FONTE: Rádio 2


FONTE: Radio2
PUBLICADO POR: administrador (Itanhaém - SP)

COMENTÁRIOS

VEJA TAMBÉM

Patrocinadores

Programação   •    Locutores   •    Notícias   •    Mural de recados   •    Agenda de shows   •    Clipes   •    Contato

© Copyright 2020 :: Todos os direitos reservados